13 de dez de 2010

PEGA NA MENTIRA, CORTA O RABO DELA.


Quando a mentira vira deboche!
Por Edinei Muniz

A imagem abaixo é uma das muitas espalhadas pelo governo do Acre para debochar e brincar com a inteligência do povo acreano.
Se fiz a leitura correta da imagem, ela tenta dizer mais ou menos assim: o Acre é o paraíso dos empregos, por isso é o melhor lugar para se viver na Amazônia.

Ofendido pela mentira, recorri ao CAGED - Cadastro Geral de Empregados e Desempregados -, órgão ligado ao Ministério do Trabalho, e que, sem dúvidas, representa a base de dados mais segura do país quando o assunto são os empregos formais (com carteira assinada).
Os números revelam o seguinte: de janeiro de 2007 a outubro de 2010, a variação absoluta no nível de empregos formais no Acre foi de, acreditem, míseros 5,1%. O desempenho do Acre, repondo a verdade, é bem inferior ao da maioria dos estados da Região Norte.

Ora, se o Acre é o melhor lugar da Amazônia para se viver, é, também, o pior para arranjar emprego e, como uma coisa puxa a outra, o resto o amigo leitor já sabe.