29 de set de 2010

CINEMA MUDO



FONTE: BLOG DO CALIXTO

SONHAR NÃO CUSTA NADA



Escrito por Luiz Calixto  28 Setembro 2010
A frente popular está comemorando uma suposta " virada" de Edvaldo Magalhães na corrida para o senado.

Como sonhar não custa nada, os lambe-botas da imprensa petista estão divulgando criminosamente uma falsa pesquisa feita "nas coxas" para enganarem a si mesmos sobre os resultados reais dos números.

Jorge Viana deu com os burros n'água ao achar que mandava na vontade do povo acreano.

Mais um pouco ele deixará Edvaldo no meio do caminho para cuidar de sua eleição.

ATÉ O FIM DA FLORESTA SE PRECISO FOR...


Na busca de votos para que mudanças sejam realmente feitas nesse Estado, não meço esforços para consegui-los de modo lícito e suado. Meus amigos Bocalom, Petecão e Cia. Podem ficar tranqüilos que eu não paro nunca o trabalho.

28 de set de 2010

Vantagem de Dilma sobre a soma dos adversários cai a 2 pontos, diz Datafolha

DE SÃO PAULO

A seis dias da eleição, a candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, já não tem mais garantida a vitória em primeiro turno, revela nova pesquisa Datafolha realizada ontem em todo o país.

Segundo o levantamento, Dilma agora perde votos ou oscila negativamente em todos os estratos da população.

Nos últimos cinco dias, Dilma perdeu três pontos percentuais entre os votos válidos que decidirão o pleito. Ela recuou de 54% para 51% --e precisa de 50% mais um voto para ser eleita.


Escândalos na Casa Civil pontuam queda de Dilma nas pesquisas, dizem especialistas

Como a margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, Dilma pode ter 49% dos votos válidos. Ou 53%, o que a levaria ao Planalto sem passar por um segundo turno eleitoral.

Ainda considerando os votos válidos, o candidato do PSDB à Presidência, José Serra, apenas oscilou positivamente, de 31% para 32%.

Marina Silva, do PV, também oscilou positivamente dentro da margem de erro. Passou para 16%, ante os 14% que tinha na última pesquisa, realizada entre os dias 21 e 22 de setembro.

Houve queda ou oscilação negativa para a candidata escolhida pelo presidente Lula para sucedê-lo em todos os estratos da população, nos cortes por sexo, região, renda, escolaridade e idade.

Uma das maiores baixas (queda de 5% nas intenções de voto) se deu entre os que ganham de 2 a 5 salários mínimos (entre R$ 1.020,00 e R$ 2.550,00). Cerca de 33% da população brasileira se encaixa nessa faixa de renda.

Dilma vem perdendo votos desde a segunda semana de setembro. Foi quando o escândalo envolvendo tráfico de influência na Casa Civil levou ao pedido de demissão de sua ex-principal assessora, Erenice Guerra.

De lá para cá, o total das inteções de voto em Dilma caiu de 51% para 46%. Já a soma de seus adversários subiu de 39% para 44%.

Considerando somente os votos válidos, a diferença entre Dilma e os demais candidatos despencou de 14 pontos há duas semanas para dois pontos agora.

A pesquisa mostra também que houve forte "desembarque" da candidatura Dilma entre as mulheres (queda de 47% para 42%) e entre os eleitores mais escolarizados, com curso superior.

Na simulação de segundo turno entre Dilma e Serra, a vantagem da petista também caiu. No levantamento anterior, Dilma tinha 55% das intenções de voto. Agora, tem 52%. Serra, que antes tinha 38%, agora tem 39%.

27 de set de 2010

NÃO PERCA SEU VOTO - Blog do Crica

Belo artigo

Dom, 26 de Setembro de 2010 09:27 
 
Belo o artigo da Juiza Mirla Regina de ontem, na GAZETA, sobre a mistura explosiva de religião com política. Um cidadão coloca a bíblia debaixo do braço e se arvora no ungido de Deus (sem procuração) e dana-se a pedir votos no púlpito da igreja. Sem falar no profano de comprar votos. Não se deve votar em alguém pela religiosidade, mas, pela sua qualificação. 

Casos e casos
Há também no meio evangélico políticos que são sérios. Poucos, mas existem.

Agenciador de plantão
O secretário e Comunicação do Governo, Anibal Diniz, é quem agencia os apoios para a candidatura a deputado federal do Leo Brito (PT), diga-se de passagem, a mais cara e a que tem maior estrutura dentro do PT. Como conseguiu montar a estrutura poderosa não se sabe, visto ser apenas um professor universitário. São os chamados na política de “mistério da meia-noite”.

Eleição decidida
Tive acesso ontem á última pesquisa feita em todo Estado para governador e senador. O resultado foi o previsto: sem surpresa. Os favoritos ao Senado e Governo consolidados. Se não nevar até a eleição dificilmente Tião Viana (PT) não será eleito governador e Jorge Viana (PT) e Sérgio Petecão (PMN) tendem a ganhar as duas vagas de senador com uma relativa folga.

Eleição decidida
O deputado federal Flaviano Melo (PMDB), que não fala para agradar e, é frio quando se trata de analisar disputa eleitoral, considera que, não há como mudar a tendência nessa reta final. E na sua experiência acha que, a vitória de Sérgio Petecão (PMN) se firmou e deve ser senador.

Quadro definido
Outro que não fala para agradar é o candidato a deputado federal Márcio Bittar (PSDB), que disputa ser o mais votado para a Câmara Federal com boa chance de conseguir o intento. Também acha que a fatura está liquidada para a dupla Jorge Viana (PT) e Sérgio Petecão (PMN).

Bem possível
Pelas contas dos principais dirigentes da oposição está praticamente assegurado a FPA fazer cinco deputados federais e os oposicionistas três parlamentares, tudo dentro do previsível. Nessa contabilidade estão cotados  como favoritos Márcio Bittar (PSDB), Flaviano Melo (PMDB), Henrique Afonso (PV), Perpétua Almeida (PCdoB), Gladson Cameli (PP), Fernando Melo (PT), Antonia Lucia (PSC), com a vaga restante sendo disputada entre Sibá Machado (PT), Taumaturgo Filho (PT) e Leo Brito (PT).

Briga boa
Na coligação PT-PDT-PR há seis deputados: Walter Prado, Luiz Tchê, Zé Carlos, Helder Paiva, Ney Amorim e Chico Viga. E seis candidatos sem mandato fortes: Pereira, Ermício Sena, Nazaré Araújo, Telma Chaves, Jonas Lima e Zenildo Vieira. Todos na disputa de sete vagas na Aleac.

Para tranqüilidade
Nesta chapa, para um candidato ficar tranqüilo não terá que ter menos que 5 mil votos.
Mario de Deus
Pode parecer estranho, mas este rapaz disputa com chance uma vaga de deputado na Aleac.

Pedido alto
Assessores do deputado federal Gladson Cameli (PP) atribuem ao motivo de não ter sido fechada a parceria com o grupo Santiago, ao fato de pedir “muito alto” para a aliança política. E que também os Santiagos, na última campanha, não teriam trabalhado exclusivamente para o Gladson. O certo é que o Gladson perdeu muito voto ao não fechar a aliança.

Vem eleita
Quem vem eleita deputada estadual de Sena Madureira é a candidata Toinha Vieira (PSDB). A sua passeata gigante realizada esta semana foi uma mostra do seu forte prestígio político.

Votação estupenda
Outra mulher com cadeira segura na Assembléia é a deputada Antonia Sales (PMDB), que deve ser a campeã de votos dessa eleição, vindo do Juruá com uma votação acima de 7 mil votos.

Sério candidato
Entre os três mais votados o seu nome é certo. E ninguém duvide que o candidato Márcio Bittar (PSDB) venha ser o mais votado entre todos os candidatos para a Câmara Federal.

Bela parlamentar
Outra mulher que merece voltar á Aleac por sua atuação, séria, corajosa e guerreira é a deputada Idalina Onofre (PPS), que honrou em todos os aspectos a oposição no parlamento.

É da democracia
Tem que ter oposição na Assembléia Legislativa, na Câmara Federal, no Senado Federal, para não ficar um arremedo de democracia, que não existe sem o contraditório e sem contestação. Se não for para ter oposição, que se volte então ao regime ditatorial, ora bolas!.

Partido único
Não fosse para ser assim não haveria o pluripartidarismo no Brasil, mas, o partido único.

Acima do PT
A candidatura do senador Tião Viana (PT) ao governo está caminhando para a vitória, consolidada, porque a sua aceitação é plural e ultrapassa os muros radicais do seu partido. Viana tem votos até na oposição, onde o candidato Tião Bocalon (PSDB) tem bolsões de rejeição.

Festa no interior
O prefeito Wagner Sales (PMDB) está eufórico: fez um desfile pelas ruas de Cruzeiro do Sul com todo o maquinário da usina de asfalto, que lhe permitirá agora asfaltar as ruas da cidade.

Nem uma ruela
É bom que se ressalte que até hoje a sua gestão não recebeu uma ruela do governo estadual. Pelo contrário, o governador Binho Marques se recusou ajudá-lo quando procurado e não firmou um convênio com a prefeitura de Cruzeiro do Sul, o que não lhe impediu de trabalhar.

Números surpreendentes
A eleição para o Senado Federal caminha para um resultado atípico, anotem isso, que após a eleição volto a tocar no assunto. É de se admirar, mas, eleição é sempre uma caixa de pandora.

Militância maior
A militância mais numerosa no comício da FPA em Sena Madureira era a do candidato Zenildo Vieira (PT), superior à da candidata Leuda Areal (PR), mulher do ex-prefeito Nilson Areal (PR).

Segundo turno
Como Dilma Roussef (PT) vem perdendo pontos nas últimas pesquisas, analistas da grande imprensa já aventam a possibilidade do candidato José Serra (PSDB) chegar ao segundo turno.
New rico
Está dando que falar o súbito aumento das posses de um prefeito do interior.

No berço
A candidata a deputada estadual Iolanda Lima (PRP) decidiu passar a eleição em Manuel Urbano, onde nasceu, e tem uma das principais bases da sua campanha política. Iolanda é uma política cuja passado não tem uma nódoa.

Marina silva
Começou se arrastando, com aquela sua aparência frágil, mas forte na defesa dos seus ideais, quem vem crescendo nessa reta final é a candidata Marina Silva (PV), que já bate na casa dos 13%, número jamais imaginável que alcançaria, até porque agora é que começou  a ser conhecida nos grotões do Brasil. Se houver segundo turno vai se dever ao embalo crescente da sua candidatura. O forte da Marina é que passa credibilidade quando fala dos seus projetos.

Luis Carlos Moreira Jorge

23 de set de 2010

Caso do Padeiro espancado por candidato do PCdoB se arrasta na Delegacia

Sem a mesma velocidade com que foi resolvido o assalto à produtora da Estação Experimental, o caso de espancamento sofrido pelo padeiro Leandro da Silva, liderado, segundo testemunhas, pelo candidato do PCdoB, Toinho Bezerra, se arrasta na 1ª Regional de Policia Civil.

Mesmo com todas as evidências apontadas pelas testemunhas, o candidato Toinho Bezerra e os demais envolvidos na tentativa de homicídio, continuam em liberdade. Hoje (23), Leandro será submetido a uma cirurgia no maxilar quebrado pelos agressores que bateram de pau até o padeiro perder a consciência.

- Os responsáveis pelo espancamento do meu marido continuam soltos e eu e meu marido estamos trancados dentro de casa com medo de morrer – diz Juliana Pereira, esposa de Leandro.

Segundo Juliana, Toinho depois que espancou seu marido foi no trabalho dele e disse ao patrão de Leandro o que tinha feito. Os próprios agressores foram quem acionaram a Policia. Leandro foi confundido com assaltante que teria arrombado e roubado o carro de Toinho Bezerra.

Na Delegacia, Juliana conta que ainda foi ameaçada e orientada a não divulgar o nome do candidato.

O ac24horas tentou falar com o delegado que preside as investigações. Mas desde ontem, aguardamos o retorno de agendamento da entrevista. O agente de Policia Civil de plantão não soube informar se as ameaças à Juliana [esposa do agredido] estão sendo investigadas pela Corregedoria.

O padeiro encontra-se desde o dia 31 de agosto, sem trabalhar, deitado em cima da cama de seu quarto. A família que já foi vitima de assalto está assustada e pede justiça.

Moradores vizinhos de Leandro estão revoltados com a morosidade dada ao caso. Um dos vizinhos que pediu para não ter seu nome revelado questionou porque a Policia Civil não age com a mesa rapidez em todos os casos.

- Por que eles agem tão rápido quando interessa, vão para televisão, dão coletiva e nesse caso, parecem não estar nem aí! Quem eles estão protegendo? – questionou.

Jairo Carioca – Da Redação de ac24horas

22 de set de 2010

Coligação intensifica campanha e homenageia mulheres


Escrito por Administração

A movimentação desta terça-feira(21) começou com uma visita ao final da tarde do candidato a Governo do Estado, Tião Bocalom(PSDB), à Procuradoria da República no Acre.


Bocalom protocolou uma denúncia contra o Governo do Estado por ter, segundo informações colhidas pelo candidato, jogado no lixão toneladas de medicamentos, alguns ainda em pleno prazo de validade. A denúncia já havia sido divulgada pela imprensa local, mas agora o candidato quer a manifestação da Justiça já que considera o caso de extrema gravidade.”O Estado tem que dar uma explicação a toda a população”, disse.Em seguida, Bocalom foi ao Sindicato dos Médicos , onde os profissionais de saúde pediram melhores condições de trabalho, com o aumento da diária e o reajuste nos plantões extras.


Já nesta quarta-feira, pela manhã, Bocalom visitou o Sindicato dos Estivadores. Lá, os trabalhadores, cerca de 70 funcionários, revelaram que, na grande maioria das vezes, apenas descarregam mercadorias , sem carregar para outros portos. O candidato afirmou que com a retomada da produção, o porto vai poder enviar mercadorias locais para outros portos, dinamizando a economia e criando empregos.Logo depois, o candidato foi ao Atacadão Rio Branco, onde pôde expor seu plano de trabalho aos funcionários. Bocalom falou que a grande prioridade de seu Governo vai ser a produção,”única forma de tirar o Estado do engessamento econômico que se encontra e fazer circular riqueza novamente”.E pediu a todos que votem segundo a consciência, ”sem se deixar intimidar”.

Homenagem às Mulheres

Em seguida, foi a vez da Coligação promover às 10:00hs em seu comitê central uma reunião entre seus candidatos e centenas de mulheres que , aliás, representam a maioria do eleitorado acreano.Em meio ao auditório feminino, o apostolo Ildson , vice de Bocalom, defendeu a família e disse que o Acre apresenta ainda hoje altos índices de violência contra a mulher e o menor.O candidato a Senado Federal pelo PMDB, João Correia, declarou que as mulheres precisam da proteção do Estado e defendeu a construção do Hospital da Mulher prometido por Bocalom. Já Tião Bocalom disse que seu Governo pretende restaurar às mulheres o direito de contar com uma creche, de realizar um exame preventivo , de morar dignamente e de se locomover em segurança.”O projeto de Governo da oposição tem a marca da mulher”.

Por seu lado, o candidato a Senado Federal pelo PMN, Sérgio Petecão, disse que a família e especialmente a mulher são o alicerce da sociedade . Portanto, merecem toda a atenção e proteção do Estado e das autoridades competentes. O candidato disse que a mensagem da oposição chegou a todos os setores da sociedade - da mulher ao idoso , chegando ao mais jovem. E vem ganhando espaço e preferência entre todos , o que tem preocupado em muito ao grupo de poder.” O Governo se sente ameaçado com nossa mensagem. Na realidade, nossa candidatura, a de Bocalom e de João Correia são ameaças reais para quem se sente fraco no poder”, resumiu. E pediu aos presentes para multiplicar o voto, ”falando com seus parentes amigos, vizinhos e conhecidos fim de divulgar o programa da oposição e dar ao Acre uma chance de mudança de renovação”.

Logo no raiar do dia, Petecão juntamente com dezenas de simpatizantes e amigos realizaram, a pedidos, um novo e grande bandeiraço no bairro da Floresta, onde o candidato conta com um enorme apoio e carinho da comunidade. Ele voltou ao bairro para visitar casas e comércios que não tinha ainda visitado e aproveitou para falar com antigos amigos.À tarde, Petecão realizou um bandeiraço à frente ao Banco Itaú para um contato mais direto com a comunidade do centro da cidade e amigos comerciantes.Em todos os encontros, o candidato vem agradecendo diretamente o apoio e solidariedade que vem recebendo em relação aos ataques realizados pehttp://www.blogger.com/img/blank.giflo Governo no programa eleitoral. Segundo Petecão, os ataques denotam o desespero e o medo de perder as mordomias de 12 anos de Poder, ”mas o povo é sábio e vai diferenciar o joio do trigo.Por isto, tenho entregue a Deus as mentiras e ataques do Governo.E continuado trabalhando para dar ao meu eleitorado o melhor em termos de propostas e projetos que iremos apresentar no Senado Federal.Esta é minha resposta a meus inimigos”.


www.sergiopetecao.com.br

20 de set de 2010

VAZANTE DO RIO DEIXA RIBEIRINHOS EM MÁ SITUAÇÃO


O rio Tarauacá na altura da comunidade do Socó está intrafegável devido à vazante, inclusive dando para ver as pedras que ficam do fundo do rio. Esse era um problema que poderia ter sido amenizado não fosse às promessas não cumpridas do IMAC de Rio Branco, que foi ao local comigo em agosto de 2008, fazendo então dois anos e pouco de promessas, de levar uma retro escavadeira para o local para fazer uma “dragagem” paliativa. Agora vejam, já foi uma “luta” para que atravessassem essa canoa menor da foto acima, imaginem para transpor essa pequena corredeira com essas canoas maiores e carregadas na foto abaixo?



16 de set de 2010

OS COITADINHOS MILIONÁRIOS



Ladeira à baixo nas pesquisas e certos que Edvaldo Magalhães será fragorosamente derrotado, os marqueteiros da Cia de Selva estão tentando transformar os algozes Jorge Viana e Edvaldo Magalhães em vítimas.

A empresa embolsa, sem prestar contas, 21 milhões de reais para fazer a propaganda do governo e de lambuja fatura mais 4 milhões da Prefeitura.

Em retribuição, trabalha de cortesia para todos os partidos da frente popular.

Como essa velha tática já é conhecida do povo acreano, os efeitos serão contrários.

Jorge deveria explicar como aumentou seu patrimônio em mais de 1.200% e o quanto recebeu nos Conselhos de Administração da Helibrás, da Aracruz Celulose e em mais 4 outras empresas para fazer lobby em Brasília.

Blog do Luiz Calixto

BAGUNÇA GERAL



A Coordenadoria do Patrimônio do Ministério Público deve ficar atenta aos descalabros cometidos pela pouco honesta administração petista.

Confiantes na impunidade, decisões do próprio governo são desobedecidas.

Acompanhe mais este caso:

No dia 23 de agosto deste ano a Secretaria de Gestão Administrativa puniu levemente a empresa ficha suja C. COM. INFORMÁTICA com uma "peninha boba", proibindo-a de negociar com a administração pública por curtos 3 meses, conforme consta no documento que se pode ver na primeira imagem.

No dia seguinte, 24 de agosto, a Secretária de Educação passou por cima da punição e firmou contrato com a empresa meliante no valor de 61 mil reais como consta na segunda imagem.

Vale salientar que a empresa é reincidente em fraudes documentais, mas como tem as costas largas e contribui com as campanha do PT puni-la é perda de tempo e papel.

Com a palavras os senhores Promotores de Justiça.





Blog do Luiz Calixto

10 de set de 2010

VAI SERGINHO........

Escrito por Luiz Calixto | 10 Setembro 2010

Mostrei ao povo acreano ( clique ) a prova inquestionável do uso indevido de funcionário público à serviçõ da milionária campanha eleitoral do PT.

No caso especifico, o flagrante tratou- se da presença do repórter fotográfico da Secretária de Comunicação Sérgio Vale na comitiva da frente popular.

Se quiser relembrar clique na primeira foto e acompanhe a seta.

Como a denúncia tem "pé e cabeça", acossado pelas evidências de um processo por crime eleitoral, tardiamente, no dia 9 de setembro, o governador Binho Marques exonerou Serginho como se isso fosse o suficiente para consertar o ílicito comentido.

Como o ato do governador é posterior ao crime, a emenda saiu pior que o soneto.

Cabe lembrar que Serginho Vale é um cidadão de bem e de boa índole que, como muitos outros funcionários públicos, é obrigado pelo PT a trabalhar nas eleições.
















9 de set de 2010

Tião Bocalom faz caminhada no Taquari e realiza comício no Tancredo Neves

A Coligação Liberdade e Produzir para Empregar reservou a tarde de sexta-feira para uma caminhada com bandeiraço no Taquari.

O candidato a Governo do Estado,Tião Bocalom(PSDB) fez um longo percurso a pé pela rua Baguari, conversando com as pessoas,ouvindo reivindicações e sobretudo colhendo o apoio popular –fato que vem se tornando lugar comum em todas suas aparições públicas. Bocalom aproveitou para divulgar ainda mais seu plano de Governo e reforçar a idéia da retomada da produção para a geração de emprego e renda.”Nossa esperança é ver o Acre voltar a crescer por seus próprios meios”.O candidato se disse impressionado com o aumento da aceitação popular da campanha da oposição,”que vem se revelando em todos os lugares e entre todos os segmentos da população”.Em seguida,Bocalom se juntou ao candidato a Senado Federal,Sérgio Petecão, para visitar um grupo de Taekwondo e confirmar o compromisso de estimular todo tipo de esporte e artes marciais que ajudem a afastar a juventude das drogas e da bandidagem.

No início da noite, foi a vez do bairro Tancredo Neves. Promovido pelo PMBD, o comício realizado esta sexta-feira conseguiu reunir partidários, simpatizantes, membros da Coligação e uma grande parte da comunidade local que foi prestigiar o evento. O comício teve início com os discursos dos candidatos a deputado estadual do PMDB, a começar por Charqueiro, Rabelo e Rodrigo Pinto.Filho do falecido governador Edmundo Pinto, Rodrigo lembrou do compromisso herdado do pai pela luta e assistência dos mais pobres. Em sua fala, o presidente regional do PMDB, Flaviano Melo, disse que a Coligação segue cada vez mais unida. E afirmou que Bocalom pensa num Governo aos moldes do PMDB, quando a produção chegou nos melhores níveis no Estado. Flaviano enfatizou que Bocalom quer reeditar a distribuição de sementes, a assistência técnica aos produtores, o preço mínimo e a época em que os galpões da Cageacre ficavam abarrotados de produtos para distribuição entre a população . Flaviano lembrou ainda dos bairros inaugurados em seu Governo, dentre eles o próprio Tancredo Neves e disse que o Governo de Bocalom ,”deve enveredar no mesmo rumo”.

Em seu discurso, Bocalom voltou a dizer que seu Governo vai tratar de gente . ”Meu governo vai ser do acreano e não da floresta. É um compromisso que tenho com toda a população do Estado”. E acrescentou que sua prioridade é o cidadão, para depois pensar nos animais e no meio ambiente. Bocalom insistiu que hoje o homem do campo não consegue plantar nem brocar seu roçado tal as exigências dos órgãos ambientais , ”que praticamente inviabilizaram a vida no campo e a sobrevivência do produtor rural”. Bocalom pregou uma volta ao campo e o retorno da produção rural para reforço da economia estadual, aumento e barateamento da oferta de alimentos e a consequente criação de diversos empregos para o Estado.

Ao falar ao público no final, Petecão disse que não vai dar ouvidos aos xingamentos oficiais dos programas eleitorais. Ele afirmou que vai seguir o conselho de uma velha eleitora,” que me falou para colocar tudo nas mãos de Deus e seguir em frente, rumo á vitória”. Petecão afirmou ainda que o Acre precisa de um senador com identidade própria, que tenha posição independente e não seja apenas “um joguete nas mãos dos poderosos”. E disse que como senador da República vai saber honrar seus compromissos com a população e trazer muitos recursos federais , ”para fazer frente a todas nossas necessidades”. Ele lembrou que toda a democracia precisa ter oposição, ”caso contrário tudo fica nas mãos de meia dúzia que passam a se achar os donos da verdade e da vontade alheia. E isto a população não pode permitir.”

4 de set de 2010

DECOREBA

Deixa ver se eu entendi direito o que disse Edvaldo Magalhães no programa eleitoral feito Cia. de Selva, a mesma empresa que fatura 21 milhões do governo e mais outro bocado da prefeitura petista.

Segundo o candidato Edvaldo, Tião Viana, se eleito, vai combater com muito rigor a violência sem controle que campeia pelo Estado.

Lida de trás pra frente a falação do comunista é a carta de fiança daquilo que eu afirmo há muito tempo: Nem Jorge nos seus dois reinados, nem o apático Binho no seu governo apagado combateram o crime com pulso e a dureza necessária.

A bandidagem sempre os levaram à pagode.

A tarefa ficará sob a responsabilidade de Tião Viana, se eleito.

Há quase 12 anos no poder, eles ainda acham que o tempo não foi suficiente para o Estado por ordem nos bandidos, e não o contrário.

Das duas, uma: Ou Edvaldo acho que o povo é bobo ou não leu direito o aquilo que os marqueteiros da Cia. de Selva escreveram.

Escrito por Luiz Calixto | 03 Setembro 2010

2 de set de 2010

Bocalom faz bandeiraço e Petecão defende saneamento básico



Um bandeiraço com muito entusiasmo e convicção saudou a chegada do candidato tucano a Governo, Tião Bocalom, no Mercado Central de Rio Branco esta manhã. Centenas de militantes e até mesmo populares contribuíram para formar uma grande maré azul de bandeiras com o número 45 do PSDB, incentivando a população a optar pela renovação e mudança.

O bandeiraço começou às 8h30, em frente ao Mercado, e se encaminhou ao Terminal Rodoviário, chamando a atenção de milhares de pessoas que se dirigiam ao trabalho ou às compras. Acompanhado de seu vice, o apostolo Ildsen, e do ex-governador Flaviano Melo (PMDB), candidato a reeleição para a Câmara dos Deputados, Bocalom fez questão de retribuir às inúmeras manifestações de carinho e apoio a seu nome a Governo. – É a melhor pesquisa de aceitação que um candidato pode ter – disse.

De fato, Bocalom pôde confirmar no bandeiraço o apoio que conta dentre os próprios comerciantes do Mercado Central e adjacências. Foram centenas de abraços e apertos de mãos, além das declarações explicitas de voto de taxistas, mototaxistas e idosos que hoje aderiram abertamente à campanha de Bocalom a Governo do Estado.

Os jovens, aliás, fazem parte de outro segmento importante que vem aderindo em massa á campanha em virtude da principal bandeira de Governo de Bocalom (a retomada da produção e a geração de emprego e renda).

Para o candidato, é altamente compensador que a juventude tenha entendido a mensagem do Plano de Governo da oposição e abrace realmente o desafio de mudar, formando um movimento crescente que vai mudar definitivamente o panorama político acreano.

Bocalom afirmou que é a juventude, auxiliada por toda a população, que tem o combustível e a disposição para as grandes mudanças.

Reivindicações

Durante todo o bandeiraço, Bocalom recebeu as mais diversas solicitações e apelos. Como o de Berenice Salles, ex-militante do PT e paciente de hemodiálise, que perguntou a Bocalom se seu Governo iria continuar o atual programa de transplantes da saúde. Bocalom disse que daria continuidade ao programa e ainda acrescentaria o transplante de órgãos de cadáveres, maior esperança dos pacientes que não encontram doadores compatíveis mesmo na família. E não deixará que nenhuma máquina quebrada venha prejudicar qualquer tratamento.

O candidato se solidarizou com os sindicalistas dos transportes urbanos demitidos na semana passada e se comprometeu se eleito, em fazer uma pesquisa entre os ribeirinhos para saber se a maioria quer realmente de volta o porto para desembarque da produção próximo ao Mercado Central.

Por fim, Bocalom disse que seu Governo vai cuidar da revitalização do Rio Acre e o tratamento dos dejetos jogados no rio pelo Canal da Maternidade.



De Brasília, o candidato Sérgio Petecão (PMN) afirmou que pretende, no Senado Federal, continuar sua política de elaboração de emendas a todos os municípios do Estado independente de partido político.

Petecão adiantou, no entanto, que vai canalizar prioritariamente emendas para o setor de saneamento básico, por se tratar da área que mais contribui na prevenção da saúde pública, “e por isto mesmo merece a maior atenção por economizar recursos públicos na saúde tratativa e preservar a saúde da população”.

Segundo dados do Ministério da Saúde, a cada R$ 5investidos no saneamento básico, são economizados R$ 2,00 na saúde tratativa.

Petecão falou ainda que Rio Branco seja uma das cidades de pior índice de saneamento básico em todo o Brasil, segundo dados levantados pela Pesquisa Trata Brasil, da Fundação Getúlio Vargas.

Contilnet